Diminuição da atividade humana por coronavírus já mudou movimento da Terra, dizem cientistas

Conclusão foi feita por um grupo de geólogos da Bélgica e publicada nesta terça-feira na revista Nature

Por O Dia

Planeta Terra
Planeta Terra -
Rio - O isolamento social e a interrupção da atividade humana ocasionados pela pandemia do coronavírus já alteraram - de forma sutil, é claro - o movimento do planeta Terra. A conclusão foi feita por um grupo de geólogos da Bélgica e publicada nesta terça-feira na revista Nature, especializada em ciência.
Segundo o estudo, a interrupção de redes de transporte e de outras atividades humanas geraram uma diminuição do ruído sísmico - o ruído provocado pelas vibrações na crosta terrestre.
A mudança, no entanto, não é motivo para pânico. De acordo com os cientistas, algo semelhante geralmente ocorre no curto período que antecede o Natal. Além disso, a mudança aumenta a sensibilidade de equipamentos de monitoramento e torna mais fácil a detecção de pequenos terremotos, alterações na atividade vulcânica e outros eventos sísmicos. 
"Você recebe um sinal com menos ruído no topo, permitindo extrair um pouco mais de informações desses eventos", conclui Andy Frassetto, sismólogo das Instituto de Pesquisas Incorporadas para Sismologia em Washington, nos Estados Unidos. 

Comentários