Saiba como escolher a melhor opção de tinta para a área externa da sua casa

Tinta acrílica ou a emborrachada são as mais indicadas para pintar essa parte da residência

Por Aline Cavalcante

Cartela de cores na loja pode ajudar na escolha
Cartela de cores na loja pode ajudar na escolha -
Rio - Na hora de renovar os ares da casa e iniciar uma transformação, muitas vezes uma área específica acaba ficando esquecida. A parte externa, tão — ou mais — importante quanto as outras, já que é a primeira coisa a ser vista no imóvel. Dar uma atenção especial para a área de fora da residência e mudar a pintura são alternativas fáceis e econômicas. Que tal começar a mudança por aí? 
Comprar tinta para a área externa não é uma tarefa tão simples, pois você precisa tomar alguns cuidados para que a nova pintura tenha o efeito desejado. Entre os tipos de tinta existentes, as mais indicadas para essa tarefa estão a tinta acrílica ou emborrachada.
A arquiteta Marina Gouveia deu algumas dicas: “A acrílica é solúvel em água e tem alta impermeabilidade. Essa tem opção de acabamento acetinado, fosco e semibrilho. A desvantagem é que, com o tempo, ela acaba desbotando. Já a emborrachada é resistente ao efeito do tempo, não desbota e nem descasca, além de prevenir o mofo nas paredes. Ela cobre defeitos na superfície como, por exemplo, rachaduras”. 
Nas lojas especializadas em tintas, a preferida de quem quer dar novo visual para a fachada da casa e muros é a emborrachada. “A acrílica tem o custo mais alto. Já a emborrachada faz sucesso por ser mais durável, ter custo menor e ainda fazer a função de selador. A cor fica intacta por até cinco anos.E
se tiver fissuras, ela ainda cobre. Para quem mora perto da praia, ela é excelente, pois é resistente
à maresia”, conta Cleiton Silva, proprietário da loja Feliz Tintas, de Duque de Caxias, na Baixada.
COR DEVE COMBINAR O ESTILO
Surgem muitas dúvidas na hora de escolher de cores, mas é bom saber que algumas cores não são tão indicadas para muros e paredes externas. “É bom evitar o bege, o gelo e cores muito claras, pois elas apontam a sujeira com mais facilidade. Uma boa escolha são os tons alaranjados e acobreados. Mas sempre destaco que não podemos deixar de levar em consideração o gosto do dono da casa”, aconselha Marina Gouveia.
Um fator que também deve ser considerado é escolher a que mais “conversa” com o que está ao redor. “É preciso observar os detalhes menores no seu terreno. Tudo deve ornar”, alerta a especialista.

Comentários